Tarte de Maracujá

Parece que o sol voltou, felizmente! Por isso hoje apresento-vos uma receita deliciosa. É fresca, leve e feita com fruta da época!

O maracujá é um fruto espontâneo e abundante nas zonas tropicais. No nosso país este fruto colhe-se mais ou menos nesta altura. A sua flor é considerada como a flor da paixão devido à sua forma: coroa de espinhos, cinco chagas e três pregos (com que Cristo foi crucificado).

O maracujá é uma fonte rica de vitaminas A, C e do complexo B, além disso apresenta uma boa quantidade de sais minerais (sódio, ferro, cálcio e fósforo). É considerado um calmante natural que tem inúmeros benefícios para o sistema nervoso central. Também li que é um bloqueador de gordura, que previne a dor de cabeça e dor de dentes, evita a queda de cabelo, problemas do aparelho digestivo e do sistema nervoso, que é utilizado para tratar infecções, problemas de pele, cicatrização de feridas etc.. São só boas razões para consumir este fruto!

Ingredientes:

Para a base:

1 pacote de bolacha maria

150 gr. de manteiga

Raspa de limão a gosto

Para o recheio:

1 saqueta de gelatina de ananás

180 ml de água quente

180 ml de água fria

1 lata de leite condensado

Sumo de 10 maracujás grandes

Preparação:

A base:

Triturar a bolacha (eu utilizei um utensílio ecológico da Tupperware, que é o Multi Ralador – é um utensílio manual, que permite ralar sem esforço e sem recurso à energia eléctrica, queijo, chocolate, maçãs, cenouras, amêndoas, nozes, avelãs, bolachas ou biscoitos). Levar a manteiga a derreter no microondas cerca de 1 minuto e meio. Juntar a bolacha, a raspa de limão e amassar até obter uma consistência arenosa. Forrar a base de uma tarteira de silicone ou de fundo amovível – eu usei uma de silicone. Levar ao congelador enquanto se prepara o recheio, para ficar mais firme.

O Recheio:

Dissolver uma saqueta de gelatina de ananás em 180 ml de água quente. Mexer e adicionar a água fria. Juntar o leite condensado e o sumo dos maracujás – separei as sementes com um coador, para obter um preparado mais macio. Mexer tudo muito bem e verter na tarteira. Levar ao frigorífico durante umas horas. Servir fresco, pode acompanhar com polpa de maracujá por cima.